agosto 09, 2006
















EFEITO BORBOLETA

Efeito borboleta é um termo que se refere às condições iniciais dentro da teoria do caos. Segundo a teoria apresentada, o bater de asas de uma simples borboleta poderia influenciar o curso natural das coisas e, assim, talvez provocar um tufão do outro lado do mundo.

(Edward Lorenz, in Teoria do Caos, 1963)
(Fotos: Valter Jacinto)

33 Comments:

Blogger Fado Alexandrino said...

É verdade miúda, embora goste mais da frase; um bater de asas de uma borboleta na Austrália pode causar uma tempestade em (põe aqui o nome de uma terra de que não gostes)

Obrigado pela visita.

09 agosto, 2006 12:21  
Blogger Inha said...

U.S.A.. Israel. UK. Mais?
Blaaaaaarg....

Obrigada pela visita, Fado Alexandrino.:)

09 agosto, 2006 12:28  
Blogger Eu said...

Eu passo (borboletas não é comigo)

09 agosto, 2006 14:37  
Blogger Eric Blair said...

Se me permites: o efeito borboleta é a forma simplista de nos referirmos ao conceito de dependência sensível das condições iniciais, que pretende traduzir
a ideia de como o micro influencia o macro; isto é: de como pequenas alterações podem causar
mudanças em larga escala, admitindo-se que uma sequência de acontecimentos pode ter um ponto
crítico capaz de ampliar as pequenas alterações, sendo que a multiplicação de erros e incertezas
segue uma rápida cadeia de expansão dos factores de perturbação. Este conceito ficou efectivamente celebrizado
como efeito borboleta, devido ao exemplo dado por Lorenz de que o simples bater de asas de uma
borboleta poderia estar na origem de um tornado numa outra parte do globo.

ps.(r) cá vou continuando nas minhas dinâmicas não-lineares
Beijos e tal...

09 agosto, 2006 15:18  
Blogger Eric Blair said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

09 agosto, 2006 15:23  
Blogger Inha said...

Excelente, Blair, boa dissertação!:) O mais engraçado desta teoria é mesmo isto:

"Os modelos computacionais desenvolvidos por Edward Lorenz que poderiam auxiliar na previsão dos padrões meteorológicos, se baseavam em doze equações que aplicadas em seqüência causariam uma soma de erros através da realimentação dos dados de entrada pela própria saída de dados. Estes fatores onde as alterações dinâmicas de resultados alargam as probabilidades de determinadas previsões, podem levar a resultados surpreendentes, ora para o caos extremo, ora para resultados precisos."

De onde chegou à conclusão que
"
que existe ordem em equações de valores flutuantes dinâmicas. Ou em uma linguagem mais popular, que existe ordem em sistemas ditos caóticos."


P.S. ps.r(?)loooool
Fazes muito bem. Mas não ligues que não é grave; é destes incêndios, destes noveiros...:D)))))))Eu que o diga...

BeijInha

09 agosto, 2006 15:38  
Blogger Inha said...

Eu(?), tu (?)!!!:D)))))
Isto é um assunto sério, pá, que tens tu contra os animaizinhos?

(não estás de férias?... 8-) )

09 agosto, 2006 15:41  
Blogger Eu said...

contra os animaizinhos Eu não tenho nada, mas vê bem, o nabokov começou a interessar-se por borboletas e vê lá onde ele está hoje? mortinho! e ainda escreveu livros pelo caminho.
ora como Eu não quero estar morto e muito menos começar a escrever, não quero ter nada a ver com borboletas (era isso que queria dizer, para boa entendedora...)

09 agosto, 2006 15:50  
Blogger Inha said...

Ora, mas não morreu estressado. O que ele andou de rede atrás dos lepidópteros... era uma saúde. Também a verdade é uma: não cantava. Pelo que me consta.:D)))))


(eu percebi... 8-) )

09 agosto, 2006 15:56  
Blogger Eu said...

ai consta??? pois fica sabendo que cantava e andava de bicicleta (eh lá! tu queres ver...)

e posso dizer q a saude não era alimentada só pela perseguição aos lepidópteros, de certeza que tb teve mtos dípteros, coleópteros e sobretudo hymenópeteros atrás dele (para não falar nos hemipteros que o acompanhavam na cama, nas expedições)

09 agosto, 2006 16:04  
Anonymous fresquinha said...

Ó Inha, Esse tornado não vai para a Polinésia Francesa ?
Ainda bem, que eu também não vou.
:-)

O meu mano 69, desapareceu ? Bateu asas e voou?

09 agosto, 2006 16:16  
Blogger Inha said...

E nos phthilapteros, já agora...

Blaaaaaaaaargggg! (take II)

Tudo animaizinhos muitos interessantes principalmente para quem anda a consumir o gado e as galinhas pelo meio dos campos a guinchar sabe Nosso Senhor o quê... :P

09 agosto, 2006 16:21  
Blogger Inha said...

Está tudo muito bem aqui!:P


E eu sei lá melher? 8-) Às tantas deve estar concentrado nos estudos...:DDDDDD ele lê muitos catrapázios... 8-)

09 agosto, 2006 16:24  
Blogger Eu said...

"Tudo animaizinhos muitos interessantes principalmente para quem anda a consumir o gado e as galinhas pelo meio dos campos a guinchar sabe Nosso Senhor o quê..."

quem é esta????

(tem graça que uma das respostas que dei na saudosa PGA, começava exactamente desta forma)

:P

09 agosto, 2006 16:30  
Blogger robina said...

Com uma cáca de dia como o de hoje e tu queres pôr-me a dissertar sobre borboletas?...

(Caso não saibas, cá pelo burgo, "borboleta" tem também uma conotação assim, como dizer, a fugir para o Castelo Branco :-)))))

09 agosto, 2006 16:36  
Blogger Inha said...

PGA? Copiaste por mim de certeza!lolololol

(também gostei da PGA :))

09 agosto, 2006 16:45  
Blogger Inha said...

Ó mulher e tu agora é que me dizes??? Por isso o Eu(?) foge delas a sete pés...lolololololol

09 agosto, 2006 16:47  
Blogger robina said...

É o Eu e eu :-))))))))

09 agosto, 2006 16:49  
Blogger Eu said...

já q Eu fui puxado pelo braço para esta conversa, cá vai:

inha, ainda estás tão tenrINHA :D

robina, não fujas deles que nem as borboletas nem as "borboletas" mordem (a não ser uns nos outros, pelo que dizem, que Eu não sei nada disso)

09 agosto, 2006 16:57  
Blogger Inha said...

Conhecia "florzinha"... 8-), entre muitos outros!:P

09 agosto, 2006 17:05  
Blogger Eric Blair said...

Sabes como é que o gajo descobriu? A impressora do computador com que ele trabalhava fornecia-lhe os valores com menos casas decimais (suponho que com 6 casas decimais)do que aquelas com que realmente trabalhava. Quando eles pretendeu repetir a experiência, introduziu os valores imprimidos, necessariamente arredondados (a tal ligeira diferença nas condições iniciais), o que se reflectiu numa enorme diferença dos resultados finais.

ps.(r) tenho mais mamas que a clara pinto correia, o que significa que não, não plagiei; e muito menos o faria a partir de algum texto brasileiro. Há já algum tempo, andei às voltas com a coisa durante três anos, de modo que me sai com alguma naturalidade.
Beijos, portanto

09 agosto, 2006 17:32  
Blogger Eric Blair said...

ps.(r) um dia destes mostro-te o meu atractor. Quando ganhar coragem. Aliás, mostra-lo-ei em público, talvez com o alto patrocínio das Edições Pirata, para que não seja entendido como assédio :)

09 agosto, 2006 17:34  
Blogger Hibou de la nuit said...

Já agora: Há algum efeito mariposa?

BeijInho.

09 agosto, 2006 17:40  
Blogger Susana Barbosa said...

Fantástico post!
Bjs

09 agosto, 2006 17:45  
Blogger Inha said...

llllloooooooool! Blair!loooooooool


(GARGALHADAS)
Não era preciso pores-me a chorar, porra! Eu sei que não plagiste.:)
Achei foi piada à explicação dada pela Wikipédia, que aliás transcrevi no comentário...:D)))

(P.S. O teu atrator?LOOOLLLLLLLLLLL)

09 agosto, 2006 17:46  
Blogger Inha said...

Não sei, J.B., e depois deste comentário do Blair, nem consigo ver as letras do teclado, mas amanhã posso investigar...:D)))))

BeijInha

09 agosto, 2006 17:47  
Blogger Inha said...

Obrigada, Susana. Bom ver-te por cá!:)

BeijInhas

09 agosto, 2006 17:49  
Blogger Kaos said...

É por essas e por outras que nós não podemos desistir de fazer os posts no nos blog, pois quem sabe se um pequeno boneco pode ampliar e mudar algo neste mundo. Quem sabe se o efeito de "kaos" não se pode transformar em algo de bom.
bjinhos

09 agosto, 2006 18:57  
Blogger Didas said...

Acho que andam umas borboletas sacanas a bater asas para o meu lado...

09 agosto, 2006 19:18  
Blogger Inha said...

Kaos, estiveste sempre presente no post. Sabe-lo melhor que ninguém!:)


BeijoquInhas

10 agosto, 2006 09:48  
Blogger Inha said...

Come-as, mulher... aqui entre nós que ninguém nos ouve... já ouviste falar em borboletas no estômago...?...;)

10 agosto, 2006 09:50  
Blogger Inha said...

E Bons Dias!:)

10 agosto, 2006 09:51  
Blogger Serenity said...

Como eu tenho um ego do tamanho do mundo, o efeito borboleta para mim é: Quando o meu pensamento bate as asas alguma coisa no mundo muda sempre para melhor e depois vem o caos que é para eu não ficar sozinha! (Desculpem mas isto deve de ser o efeito do Licor Beirão...).
Jinhos.

20 agosto, 2006 17:24  

Enviar um comentário

<< Home